Biblioteca Viva: Os contadores de história

 A arte de contar histórias é uma prática milenar, que teve seu início nos primórdios da humanidade, por meio da tradição oral. Essa arte do contar e recontar história amplia o universo literário, desperta o interesse pela leitura e estimula a imaginação, através da construção de imagens interiores. Narrar uma história será sempre um exercício de renovação da vida, um encontro com a possibilidade, com o imaginário e, em todo tempo e em todas as circunstâncias, o desafio de construir um final ao gosto de cada leitor/ouvinte.

As crianças, desde cedo, aprendem pelo exemplo e pela afetividade. As histórias trazem nas ações dos personagens e no tom da voz do contador de histórias uma rica experiência e um caminho seguro de aprendizagem. A voz humana transmite muito mais do que simples palavras e conceitos, mas segurança, confiança, afeição, comprometimento e energias essenciais ao desenvolvimento infantil. Através do ouvir e contar histórias, as crianças e os adultos estreitam as relações afetivas, cognitivas e fortalecem valores sociais, culturais, políticos e educacionais.  O ” Contador de histórias” cria um contexto de estudo, organização e pesquisa, muito envolvente para as crianças, contribuindo, assim, para que elas  esforcem-se em todas as etapas desse projeto.  O envolvimento e a participação da família  nas atividades escolares são  considerados  componentes importantes  para  o  desempenho  ideal das  instituições  de  ensino e para  a  segurança da  criança em  seu vida estudantil.

As famílias, para conquistar  a atenção das crianças, utilizam  formas criativas  para contar histórias.  Essa experiência tem sido enriquecedora e divertida para todos que dela participam. 

 

 

 

 

Ver todas as notícias